Français Español Português English


A minha conta
Contactos
214.245.101
(Custo chamada local)

Cuidar de uma árvore ferida

Quer seja um acidente ou por causa das intempéries, uma árvore que fique com a casca arrancada ou cortada, está em perigo. Nesse local, os cogumelos poderão instalar-se e a pouco e pouco começarem a corroer a árvore, no interior. Temos que agir rapidamente!

Cuidar de uma árvore ferida

Tronco danificado

Em primeiro lugar, o betume

A melhor maneira de ajudar a árvore a curar as suas feridas consiste em colocar betume na ferida. Se forem deixados ao ar, os tecidos não têm protecção e são vulneráveis às infecções. Utilize betume em pasta, a espalhar com uma espátula. É menos prático que o betume em spray mas é mais eficaz. Se não tiver betume à mão, pode empregar outros produtos como a massa para juntas de bricolage ou silicone em tubo. É preferível tratar menos bem, que nada!

Se a ferida for um ramo partido, faça um corte limpo com a serra antes de passar o betume. Não deixe um ramo curto, caso o ramo se tenha partido perto do tronco: corte-o a 5 cm do tronco.

Talas e suportes

Se um ramo se curvar sem se partir, poderá ajudar a árvore a guardar os seus ramos. No caso de uma árvore jovem é fácil: basta colocar umas talas, isto é, atar uns paus rígidos, nos ramos que têm falta de apoio. Reforça-se e ajuda-se a árvore que tem os ramos descaídos a mantê-los mais levantados.

Se árvore já tiver alguma idade, deverá colocar suportes constituídos por vigas de ferro, colocados sobre um alicerce de betão. É uma operação mais difícil de efectuar, mas não se trata de corrigir a silhueta mas sim de salvar uma árvore!

Cuidar de uma árvore ferida

Macieira caída

Dobrado ou partido é igual !

Se um dos ramos da árvore está torcido e mesmo dobrado, é melhor, cortar. Algumas árvores têm ramos muito maleáveis como a aveleira, os salgueiros ou os cedros. Mas para outras, um ramo dobrado significa que os veios interiores do ramo estão quebrados. Este dano é invisível mas o ramo nunca recuperará totalmente. Neste caso, mais vale cortar o ramo e ajudá-lo a formar rebentos de substituição. Na realidade quando se corta um ramo, muitas vezes, aparecem ramos novos um pouco abaixo do sítio do corte: é nestes ramos que poderá escolher o substituto para o ramo cortado.

Cuidar de uma árvore ferida

Ajude a recuperação

Depois de um acidente a árvore está fragilizada. Além de estar mais vulnerável aos seus inimigos (os cogumelos e os insectos da casca), também deve reconstituir uma grande quantidade de tecidos novos. Apreciará que lhe dêem algum adubo completo adicional, no fim do Inverno. Regue se o Verão for muito seco. Recuperará bastante mais rápido.

Nada nos buracos

Se a sua árvore tem uma cavidade, não a tape. Deixe o ar circular na cavidade e impeça a chuva de entrar. Se necessário, fabrique uma pequena calha por cima da cavidade, para evacuar a água para o lado do tronco. Uma árvore com o tronco oco pode viver dezenas de anos: ainda pode tê-la consigo durante muito tempo!

M. Jean-Michel GROULT
 
Pépinières PLANFOR
RD 651
40090 UCHACQ - FRANCE
Tel : 214.245.101
Fax : 0033 558 064 854